sábado, 1 de dezembro de 2012

Lua cheia encantando a noite floraniense

(foto: Vantuir Azevedo)

Cantemos um salmo ao nosso Deus pela maravilhosa obra das suas mãos. O louvemos com muita alegria pois estamos cercados dos sinais de sua grandiosa criação. Ao ver esta belíssima foto, ocorreu-me na memória o que o Salmo 8  expressa de louvor e gratidão pelas coisas criadas: 

"Ó Senhor, Senhor nosso, quão admirável é o teu nome em toda a terra, tu que puseste a tua glória dos céus! Da boca das crianças e dos que mamam tu suscitaste força, por causa dos teus adversários para fazeres calar o inimigo e vingador. Quando contemplo os teus céus, obra dos teus dedos, a lua e as estrelas que estabeleceste; que é o homem, para que te lembres dele? E o filho do homem, para que o visites? Contudo, pouco abaixo de Deus o fizeste; de glória e de honra o coroaste. Deste-lhe domínio sobre as obras das tuas mãos; tudo puseste debaixo de seus pés: todas as ovelhas e bois, assim como os animais do campo, as aves do céu, e os peixes do mar, tudo o que passa pelas veredas dos mares. Ó Senhor, Senhor nosso, quão admirável é o teu nome em toda a terra!"

Nenhum comentário:

sábado, 1 de dezembro de 2012

Lua cheia encantando a noite floraniense

(foto: Vantuir Azevedo)

Cantemos um salmo ao nosso Deus pela maravilhosa obra das suas mãos. O louvemos com muita alegria pois estamos cercados dos sinais de sua grandiosa criação. Ao ver esta belíssima foto, ocorreu-me na memória o que o Salmo 8  expressa de louvor e gratidão pelas coisas criadas: 

"Ó Senhor, Senhor nosso, quão admirável é o teu nome em toda a terra, tu que puseste a tua glória dos céus! Da boca das crianças e dos que mamam tu suscitaste força, por causa dos teus adversários para fazeres calar o inimigo e vingador. Quando contemplo os teus céus, obra dos teus dedos, a lua e as estrelas que estabeleceste; que é o homem, para que te lembres dele? E o filho do homem, para que o visites? Contudo, pouco abaixo de Deus o fizeste; de glória e de honra o coroaste. Deste-lhe domínio sobre as obras das tuas mãos; tudo puseste debaixo de seus pés: todas as ovelhas e bois, assim como os animais do campo, as aves do céu, e os peixes do mar, tudo o que passa pelas veredas dos mares. Ó Senhor, Senhor nosso, quão admirável é o teu nome em toda a terra!"

Nenhum comentário:

Atividade no Facebook

Mais vistas: